Archive for January 30, 2017

Novos ultra-portáteis semi-novos na MisterPC

As nossas mais recentes novidades, em portáteis de 13” e 14”:

HP SPECTRE XT PRO

HP SPECTRE XT PRO,13.3",i5-3317u,4GB RAM,128SSD,WINDOWS 7 PRO

Ecrã: 13.3″

Processador: i5-3317u

Memória: 4GB RAM

Disco: 128SSD

Sistema Operativo: WINDOWS 7 PRO

CLIQUE PARA SABER MAIS

 

HP EliteBook FOLIO 9470M

HP EliteBook FOLIO 9470M,14.1",i7-3678u,8GB RAM,180SSD,WINDOWS 7 PRO

Ecrã: 14.1″

Processador: i7-3678u

Memória: 8GB RAM

Disco: 180SSD

Sistema Operativo: WINDOWS 7 PRO

CLIQUE PARA SABER MAIS

 

Lenovo X1 CARBON

Lenovo X1 CARBON, 14'', i7-3667u, 4GB RAM, 250 SSD, Windows 10 Pro

Ecrã: 14”

Processador: i7-3667u

Memória: 4GB RAM

Disco: 250 SSD

Sistema Operativo: Windows 10 Pro

CLIQUE PARA SABER MAIS

HP recolhe baterias

A HP está prestes a lançar um programa de recolha de baterias, após ter recebido o relatório de um caso de sobreaquecimento da bateria, a qual derreteu e carbonizou.

HP-Logo

Em causa estarão mais de 100 mil baterias de portáteis, de dispositivos HP, Compaq, HP ProBook, HP Envy, Compaq Presario e HP Pavillion, comercializados entre março de 2013 e outubro de 2016. Serão recolhidas baterias de iões de lítio com as referências 6BZLU, 6CGFK, 6CGFQ, 6CZMB, 6DEMA, 6DEMH, 6DGAL ou 6EBVA.

E é já a segunda vez que o fabricante norte-americano se vê perante um programa de recolha. Em Junho passado, já tinham sido recolhidas 41 mil baterias, num processo semelhante.

A MisterPC presta assistência a computadores e portáteis HP, dentro e fora da garantia.

Proteja o seu Android: mais um vírus à solta

O tema dos vírus e malware é recorrente no Blog MisterPC. Infelizmente, parece não haver mecanismos de controlo e segurança suficientes para impedir o surgimento constante de novas ameaças. O Android tem sido o alvo preferencial dos ataques mais recentes, apesar de todos os esforços desenvolvidos pela Google para manter seguro o seu sistema operativo.

Vírus mac firmware

A mais recente ameaça é conhecida como Skyfin e entra nos dispositivos através de lojas de aplicações “não-oficiais”. Após instalar-se, o Skyfin faz com que o smartphone instale aplicações da Play Store para que as mesmas fiquem com um ranking maior e, consequentemente, fazendo-as subir nas listas da Google.

Mas como é que o utilizador não se apercebe que tem novas aplicações instaladas?

Na verdade, o Skyfin não chega, de facto, a instalar as aplicações que compra na Play Store. O download é feito, mas as apps ficam retidas na pasta de descarga. Contudo, é indicado à Play Store que as mesmas foram instaladas.

O smartphone entra assim numa rede de equipamentos que, sem que o utilizador se aperceba, fazem crescer as aplicações no ranking da Google.

Por outro lado, este malware faz com que o smartphne clique em banners publicitários, cuja receita reverte para o atacante.

Mas não é tudo. O Skyfin está também programado para roubar dados do utilizador.

Discreto, “silencioso” mas muito perigoso. É desta forma que podemos resumir o Skyfin.

Com a ajuda dos técnicos da MisterPC, saiba como proteger-se contra esta e outras ameaças.

10 perigos da Internet

Com a Internet presente em grande parte do nosso dia-a-dia, adquirimos alguns hábitos que, sem o sabermos, podem abrir o nosso computador a ataques externos que podem afectar o funcionamento da máquina, torná-la lenta e improdutiva e, em casos mais sérios, aceder a informação privada.

Alerta de vírus

A MisterPC apresenta-lhe uma lista de 10 comportamentos que o podem pôr o seu computador em risco:

1. “Permanecer ligado”

Vários sites nos quais temos que efectuar login, como serviços de email e redes sociais, apresentam-nos a opção “Permanecer ligado”, para que não estejamos sempre a introduzir a nossa password ao aceder aos mesmos. Se formos o único utilizador do nosso PC, à partida, activar esta opção não trará grandes problemas. Mas se for um PC partilhado (na escola ou no trabalho, por exemplo) ou se deixarmos a máquina por alguns momentos sem vigilância, o perigo é grande.

O facejacking pode ser muito divertido, mas muito perigoso.

2. Não actualizar aplicações

As actualizações, por vezes, são aborrecidas e demoram mas, na maior parte dos casos, melhoram a performance dos programas, corrigem bugs e resolvem falhas de segurança. Por isso, é importante manter todas as suas aplicações actualizadas, por questões de produtividade e, acima de tudo, segurança.

3. Notícias bombásticas

Tem sido uma prática muito com nas redes sociais. São partilhadas notícias falsas sobre celebridades, que despertam a curiosidade dos utilizadores. Contudo, ao tentar abrir essas mesmas notícias, somos direccionados para sites de publicidade, ou outros ainda piores. Muitas vezes, é exigido mais um clique para visualizarmos o conteúdo da notícia mas, o que acontece de facto, é estarmos a fazer download para o nosso computador de software malicioso, sem sabermos.

4. Download de filmes e softwares ilegais

A pirataria é vista pela maior parte dos cibernautas como uma forma de evitar os gastos com programas, jogos, filmes e séries.

No entanto, para além de ser uma actividade ilegal, muitos sites de partilha de conteúdos piratas, associam aos ficheiros conteúdo malicioso como vírus, adware, trojans, entre outros.

5. Procura por conteúdo adulto

Muitos sites de conteúdo adulto estão recheados de estratagemas de publicidade ilegal e propagação de malware. Banners publicitários e pop-ups em catadupa contêm links, grande parte deles recheados de más intenções.

6. Jogos online e armadilhas escondidas

Também os jogos gratuitos podem ser problemáticos. Se são gratuitos, os seus criadores obtêm receitas através da publicidade, muitas vezes contabilizadas ao clique. Daí os inúmeros suportes publicitários que proliferam no interior destes jogos e que chegam a ser bastante incomodativos para quem quer jogar.

Por outro lado, há jogos que, apesar de gratuitos, disponibilizam a compra de “vidas extra”, bónus e outras utilidades para o desenrolar do jogo. São conhecidos os casos de jogadores que perderam o controlo dos custos neste tipo de compras, gastando verbas exorbitantes com as mesmas.

7. Não preservar a vida privada nas redes sociais

Um assunto muito debatido nos nossos dias e que até já levou as forças policiais a emitirem avisos sobre o conteúdo que partilhamos no Facebook ou Instagram, por exemplo.

É divertido partilhar fotografias de viagens, jantares, passeios em família com os nossos amigos. Mas, muitas vezes, estamos a partilhar esses conteúdos com todo o ciberespaço, onde há gente muito mal intencionada. As redes sociais têm opções e ferramentas para partilha de conteúdos apenas com os determinados círculos de amigos. No entanto, a maior parte dos utilizadores não sabe da existência dessas opções, ou simplesmente não quer ter a maçada de as activar.

8. Aceder a redes WiFi desconhecidas

O seu pacote de dados é curto mas, por sorte, encontrou uma rede wi-fi desprotegida? Cuidado! Há redes desprotegidas que têm como objectivo atrair utilizadores para depois lhes roubar informações confidenciais. Como todas as suas interacções passam pelo modem, não é difícil fazer um registo dos seus movimentos. Assim, podem ser capturados endereços de email, passwords, códigos de acesso a homebanking e números de cartões de crédito, por exemplo.

9. A mesma password para tudo

Rodeados de uma imensidão de sites e serviços nos quais temos de fazer login, acaba por ser natural e confortável escolhermos a mesma password para todos esses acessos.

No entanto, essa opção acarreta um perigo evidente: se, por algum motivo, alguém descobrir essa password, fica com acesso a todas as nossas contas.

10. Clique para ganhar um iPad

E quem diz iPad, diz outra coisa qualquer. Sim, este tipo de anúncios ainda existe e sim, continua a haver gente a cair na esparrela.

“Você é nosso visitante 1.000.000.000! Clique aqui e ganhe um iPad!”.

Quando a esmola for muita… desconfie sempre.

Para além destes cuidados, a MisterPC recomenda a utilização de uma solução de anti-virus completa e garanta segurança ao seu computador e aos seus dados. Os nossos técnicos estão disponíveis para prestar todos os esclarecimentos necessários. Consulte-nos.

 

iPhone: Uma revolução com 10 anos

O Mundo celebra o 10º aniversário do nascimento do iPhone, o gadget que revolucionou a história dos telemóveis, mudou hábitos pessoais e continua a marcar a nossa era. E, talvez por tudo isso, a Apple continua sob pressão para apresentar a “next big thing.”

iphone mais rápido

Foi a 9 de Janeiro de 2007 que Steve Jobs, o lendário fundador da Apple, falecido em 2011, apresentou um telemóvel com ecrã táctil, contrastando com o domínio dos telefones com teclado Blackberry.

Contudo, o mais surpreendente no iPhone foi a forma como permitiu a criação de uma série de apps que, actualmente, permitem fazer “praticamente tudo”.

A informática passou das secretárias para os nossos bolsos e a Internet está em todo o lado.

Apesar de não ter estado presente no CES, a sua influência fez-se sentir sobre todo o evento: carros equipados com sistemas de “infotainment” (info-entretenimento) sincronizados com os iPhones; redes que, graças a aplicações especializadas, controlam à distância múltiplos parâmetros nas casas (temperatura, alarmes); outros smartphones que reproduzem as funcionalidades do iPhone.

Graças ao iPhone, a informática deixou de ser uma ferramenta de trabalho para ser parte integrante da vida quotidiana das pessoas. Foi a partir do smartphone da Apple que muitos outros equipamentos, programas e tecnologias se desenvolveram.

O iPhone, nas suas múltiplas versões, tem sido uma enorme fonte de receitas para a Apple mas, pela primeira vez, as vendas começaram a diminuir no ano passado, num mercado cada vez mais saturado e competitivo.

Mas, apesar do decréscimo das vendas, a marca acredita nas receitas provenientes dos serviços associados ao iPhone e a outros produtos Apple.

Neste contexto, a Apple Store, registou o melhor dia da sua história em vendas on-line no Ano Novo, encerrando uma temporada de Natal particularmente frutífera.

No entanto, a empresa californiana continua sob pressão para lançar a próxima revolução, e muitos temem que, sem Steve Jobs, tenha perdido seu poder criativo.

Entre os projectos em curso está um automóvel autónomo. Aguardemos…

A MisterPC presta assistência a iPhones e outros dispositivos Apple (iPad, MacBook,…).

Vírus para Android disfarçado de Super Mario

O Super Mario Run da Nintendo chegou aos dispositivos móveis em Dezembro, encontrando-se disponível em exclusivo para utilizadores do iOS, que podem obter o jogo através da App Store.

Super Mario Run

No entanto, alguns utilizadores de dispositivos Android estão a tentar obter o jogo através de sites de terceiros, antes do mesmo estar disponível na Google Play Store, à semelhança do que aconteceu com o Pokemon Go.

Do mesmo modo, os cibercriminosos estão a aproveitar-se dessa procura, introduzindo malware, no formato de Trojan, nos supostos ficheiros do jogo.

Exemplo disso é o “cavalo de Tróia” Marcher, activo desde Março de 2013 e que tem evoluído sucessivamente de modo a levar utilizadores desprevenidos a instalá-lo. Disfarçando-se de uma actualização do firmware do Android, conduz os utilizadores a introduzir os dados bancários numa página falsa, fazendo com que os mesmos cheguem à posse dos criminosos.

Investigadores de segurança cibernética da Zscaler detectaram que o Marcher apareceu recentemente disfarçado de Super Mario Run, com o objectivo de obter dados bancários e do cartão de crédito de pessoas que procuram obter o jogo fora do Google Play.

Em sites falsos anunciando a disponibilidade de uma versão Android do Super Mario Run, os utilizadores são levados a fazer o download de uma versão falsa do jogo, que exige várias permissões, incluindo direitos de administrador para o dispositivo.

Ao fornecer acesso administrativo aos sistemas infectados, os utilizadores estão a permitir que os hackers por trás do Marcher monitorizem o dispositivo e acedam a dados de login de aplicações bancárias, de pagamentos, Facebook, WhatsApp, Skype, Gmail, Google Play Store, e outras.

Devido à natureza em constante evolução deste malware, o Marcher é considerado como uma das mais perigosas ameaças a sistemas Android.

Nascido em fóruns subterrâneos russos, tornou-se uma ameaça global, tendo já atingido bancos em todo o Mundo.

A MisterPC recomenda que tenha um bom anti-vírus instalado no seu dispositivo Android e que faça download de aplicações apenas da Google Play Store.

Para mais informações, consulte os nossos técnicos. Prestamos assistência a telemóveis e tablets de todas as marcas.

O Regresso da Nokia

A Nokia é uma marca que marcou indubitavelmente a história dos telemóveis e que agora está de regresso ao mercado de smartphones, com o seu primeiro smartphone Android. O aparelho com base em nougat para Android 7.0 possui estrutura de alumínio de 5,5 polegadas com uma frente de vidro contornado “2.5D”.

Novo telemóvel Nokia

Está equipado com processador Snapdragon 430, 4GB de RAM e 64 de armazenamento onboard. A nível de som, possui amplificadores duplos e Dolby Atmos para uma saída mais alta do que os amplificadores padrão. Possui câmara traseira de 16 megapixéis e um snapper de 8 megapixéis na frente. O fabricante promete como novidade a excepcional vida útil da bateria e melhores desempenhos gráficos.

Para já, este modelo será comercializado, em princípio, exclusivamente, na China por cerca de 250 dólares. Esta decisão está relacionada com o exponencial crescimento da procura por smartphones neste país.

O regresso da Nokia ao mercado de telemóveis foi anunciado pela primeira vez em maio de 2016. Na altura, a empresa informou que planeava investir mais de 500 milhões de dólares nos próximos três anos para comercializar os seus produtos móveis em todo o mundo.

A MisterPC presta assistência a smartphones de todas as marcas. Consulte-nos!

Novidades do iOS 10.3

Enquanto a Apple prepara a versão 10.2.1 do iOS, já circulam os rumores sobre a actualização 10.3.

iOS 10 beta

Recordamos que a versão 10.2 serviu, essencialmente, para corrigir doze importantes falhas de segurança do sistema.

Os rumores sobre o iOS 10.3 apontam 10 de Janeiro como data prevista para o seu lançamento, sendo de destacar um novo modo chamado Theatre Mode (Modo Cinema), com um ícone em forma de pipoca.

Este modo permitirá que os utilizadores de iPhones e iPads possam utilizar o seu dispositivo com uma interface escura no cinema, sem incomodar os restantes espectadores com excesso de iluminação, durante a sessão.

Especula-se também a existência de um “Modo Noturno”, um rumor de longa data, depois de várias evidências estarem presentes no código do iOS 10.

Recordamos que a MisterPC presta assistência técnica a iPhones e iPads. Consulte-nos.

O que esperar da CES 2017

Começa esta quinta-feira, dia 5, a importante conferência CES (Consumer Electronics Show), em Las Vegas, nos EUA, e na qual são apresentadas algumas das principais novidades e tecnologias para um futuro próximo.

Print

A MisterPC apresenta-lhe um resumo das inovações e avanços tecnológicos que realmente valem a pena ficar de olho na CES 2017.

AMD Ryzen

Será o processador que promete dar que falar na CES 2017: o AMD Ryzen, que se apresenta como um retorno da empresa à ribalta. A AMD já mostrou as qualidades do processador em público três vezes até agora, razão pela qual é esperado que o mesmo seja anunciado oficialmente na conferência.

Kaby Lake quad-core

Após o lançamento, o ano passado, dos modelos dual-core do Intel Kaby Lake, é esperado que a CES 2017 seja o palco da apresentação das versões quad-core, até porque, já foram publicados na web cinco reviews não autorizados.

Novidades Nvidia

A Nvidia já prometeu apresentar “as novidades tecnológicas mais interessantes para jogos”. Será que é desta que veremos a tão esperada GeForce GTX 1800?

Monitores HDR

Espera-se que a CES 2017 seja o momento de lançamento de monitores com a tecnologia HDR (high dynamic range), tecnologia essa já disponível em TVs e que se caracteriza por cores vivas e pretos profundos.

A Nvidia e a AMD já incluíram suporte para HDR nas suas gráficas mais recentes.

Tudo está finalmente pronto para o HDR chegar aos PCs.

PCs fora da caixa

Porque o aspecto exterior também é importante, as grandes marcas preparam-se para lançar modelos em que a caixa do PC rompe com as convenções.

O desktop Microsoft Surface Studio tem dado que falar, com a possibilidade de permitir uma interacção directa com o que está no ecrã, seja com a caneta stylus incluída ou o adicional Surface Dial.

A HP tem já a sua linha de PCs “estilosos” concebidos de forma a serem integrados na decoração dos espaços onde são utilizados. O Pavilion Wave, por exemplo, possui um arrojado design triangular, quase no estilo de uma coluna de som ou um vaso, sendo revestido com uma suave cobertura de tecido.

E a Samsung tem o seu ArtPC. Faltando apenas a Dell dar um ar da sua graça. Será o tão falado Dell Smart Desk?

Proliferação de conteúdo de realidade virtual (VR)

Será a tecnologia dominante num futuro próximo, mas continua a ser caro o desenvolvimento de conteúdos em VR, assim como o hardware necessário.

A tendência será para a redução dos preços e nesta CES poderemos ter algumas indicações nesse sentido.

Casas (ainda mais) inteligentes

O conceito de “casa inteligente” não é novo, mas a CES 2017 pode elevá-lo para outro nível: dispositivos inteligentes que funcionam juntos para criar “a” casa inteligente em que todos os gadgets interajam uns com os outros, independente de marcas e protocolos usados para comunicação.

Sistemas que antecipam as necessidades do utilizador e que aprendam as rotinas das famílias, de modo a que não seja necessário programá-los.

Pela sua saúde

A saúde e um estilo de vida saudável são áreas cada vez mais trabalhadas pelas empresas de TI.

Calçado inteligente, casacos fitness, aparelhos protectores, sensores, monitores de sinais vitais, gadgets de fitness e saúde, são alguns dos dispositivos que esperamos ver na CES 2017.

Carros autónomos

É uma das tecnologias com maior hype actualmente e que desperta mais curiosidade entre especialistas e público em geral, sendo esperadas, na CES 2017, novidades neste segmento.

 

Visit Us On Facebook